Chuva e vendaval causam morte e estragos no RS

mau tempo que atinge o Rio Grande do Sul causa estragos e transtornos em diversas regiões do Estado. Na Serra gaúcha, Veranópolis, Guaporé e Caxias do Sul registraram os maiores problemas na madrugada desta quinta-feira (8). 

Em Caxias do Sul, o ponto mais crítico é Vila Oliva, atingida por um forte vendaval que causou destalhamento de diversas casas. Segundo a Defesa Civil e os Bombeiros, uma pessoa morreu na localidade no desabamento de uma casa.

Em Guaporé, a parte mais baixa da cidade foi tomada pela água, parecendo um rio em meio a prédios e estabelecimentos comerciais. Em Veranópolis, pelo menos 200 residências foram atingidas. Os moradores aguardam a entrega de lonas e a Prefeitura vai decretar situação de emergência.

Em Porto Alegre e Região Metropolitana, a forte chuva também causa alagamentos em vias. Extremo Sul e Zona Norte são os pontos mais atingidos. 

Até as 7h40min, a Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC) registrava os seguintes pontos com acúmulo de água:

– Avenida Sertório;
– Rua Voluntários da Pátria;
– Túnel da Conceição;
– Rua da Conceição;
– Avenida Farrapos;
– Avenida Erico Verissimo;
– Borges de Medeiros com Aureliano de Figueiredo Pinto
– Vespasiano com Garibaldi
– Sarmento Leite com Luiz Englert
– Aparício Borges com Pedro Boticário
– José Pedro Boéssio com Padre Leopoldo Bretano

RESUMO:
— Em Caxias do Sul, uma pessoa morreu em Vila Oliva, devido ao desabamento de uma casa.
 V
eranópolis vai decretar situação de emergência. Entre 200 e 300 casas foram atingidas pelo vendaval e queda de granizo.
— Ruas de Guaporé foram tomadas pela água na madrugada e em Bento Gonçalves os bombeiros receberam diversos chamados.
— Em Porto Alegre e Região Metropolitana, várias ruas estão alagadas e motoristas estão impedidos de seguir. Na Rua da República, uma árvore caiu e bloqueia totalmente o trânsito.

BLOQUEIOS:
— BR-470, km 193, interdição total em virtude de queda de barreira.
— 
BR-116, km 182, em Nova Petrópolis, totalmente bloqueada
— 
BR-116, km 140, em Ana Rech, próximo da Thomé
— 
BR-116, km 155, entre Caxias e Galópolis, árvore e poste caídos com fios sobre a rodovia. Trânsito pelo acostamento no km 155

— BR-472, km 513, em Uruguaiana, segue totalmente interrompido na ponte do Rio Ibicuí.
— 
BR-153, km 2, em Marcelino Ramos,, permanece interdição parcial, devido à defeito no asfalto.
 
Foto: Gabriel Sathes /Arquivo Pessoal