Lideranças reunidas para buscar soluções para a falta de efetivo nos Bombeiros

A Câmara de Vereadores de Palmeira das Missões realizou na manhã dessa quarta-feira (05/4) uma importante reunião com lideranças políticas da região para tratar da falta de efetivo da 4ª Seção de Combate a Incêndios.

O Comandante do 4º Pelotão do Corpo de Bombeiros de Palmeira das Missões, Luiz Fernando Fagundes, mencionou a falta de efetivo e a redução das horas extras como os principais problemas da corporação. Ele também destacou que desde a instalação da instituição no município em 1957 é a primeira vez que o quartel fecha as portas, como ocorreu durante nove dias do mês de março.

Ainda segundo informações do Comandante, atualmente o Corpo de Bombeiros possui apenas oito servidores para atender 14 munícipios com cerca de 100 mil habitantes, além das ocasiões em que o Pelotão atende cidades vizinhas como Carazinho, Panambi e Frederico Westphalen.

O prefeito Eduardo Freire enfatizou que a situação é inadmissível e que os demais líderes dos Poderes Executivo e Legislativo municipais da região precisam se posicionar. “Precisamos conversar com o governo do estado e não aceitar essa situação”, afirmou Freire.

Inconformados com o problema, as lideranças estão articulando uma reunião com o governo do estado, a fim de reivindicar o aumento do efetivo e das horas extras aos servidores, que deverá ocorrer nos próximos dias.

Estiveram presentes os prefeitos de Palmeira das Missões, Eduardo Freire, de Barra Funda, Marcos Piaia, de Dois Irmãos das Missões, Denis Bridi, o Vice-prefeito de São José das Missões, Nelson Conceição, o Comandante Interino do 4º Pelotão do Corpo de Bombeiros de Palmeira das Missões, Luiz Fernando Fagundes, o Capitão do 39º Batalhão de Polícia Militar, João Antônio Winter, o Presidente do CDL, César Scarton, o Presidente do legislativo palmeirense, Antônio Zottis Padilha e os vereadores, Adilson Barbosa, Antônio Vezaro, Leandro Lima, Sidinei Oliveira e Tiago Antunes,Fernando Decarli.

Por Camila Schmitt