MEC aprova curso de Direito no CESURG em Sarandi

A população da região inicia o mês de junho com um importante motivo para celebrar: a aprovação do novo curso de Direito do CESURG em Sarandi. O Ministério da Educação (MEC) publicou na edição de 30 de maio do Diário Oficial da União a Portaria nº 370, de 28 de maio de 2018, que Autoriza o curso de Direito no CESURG em Sarandi. O MEC recomendou o curso com o conceito 4 – numa avaliação de 0 a 5 – colocando o curso do CESURG com o melhor conceito entre os cursos de Direito em Sarandi.
Os interessados já podem realizar a sua inscrição para o vestibular de Direito, no site www.cesurg.com.br/vestibular, até o dia 21 de junho, podendo optar em realizar a prova no dia 24 de junho, às 09h, ou no dia 26 de junho, às 19h30min. Neste processo seletivo, estão sendo oportunizadas 50 vagas para a primeira turma do curso, que iniciará suas aulas em agosto deste ano, com aulas à noite, de segunda à sexta-feira, com carga horária distribuída ao longo de 10 semestres.
A abertura sendo o curso de Direito com o melhor conceito segundo o MEC, somada aos três novos cursos abertos pelo CESURG em Sarandi em 2018 e com turmas em andamento – Ciências Contábeis, Educação Física e Engenharia Civil –, consolida ainda mais o CESURG em toda a região devido a qualidade no ensino oportunizado, avalia o diretor-presidente, Eduardo Toledo Martins. “Essa recomendação do MEC do curso de Direito com conceito 4 demonstra o potencial do CESURG e o compromisso assumido com a comunidade na implantação da faculdade, de ser uma instituição ousada que oportuniza ensino de qualidade, aliando teoria e prática, promovendo desenvolvimento regional, socioeconômico e cultural sustentável, contribuindo com as comunidades em que está inserido”, reforça Martins.
Por meio do curso, o CESURG visa oportunizar ensino de excelência para a formação de profissionais comprometidos com a prática jurídica, alicerçada em valores e princípios de competência técnica, desenvolvimento científico, humanístico e comprometimento ético-social. Os juristas formados pelo CESURG estarão aptos para atuações destacadas nas mais variadas áreas jurídicas, de forma responsável e adequada com o dinamismo da legislação, da doutrina e da jurisprudência, como a advocacia, a magistratura, a procuradoria, o ministério público, a defensoria pública, a assessoria e consultoria jurídica, as atividades de mediação e arbitragem, ou ainda as funções relacionadas às atividades essenciais da Justiça, bem como o exercício profissional dentro das mais variadas áreas jurídicas, sempre pautados pela consciência ética para agir com responsabilidade social e profissional.

Por Jornalismo RP