Polícia apura se idoso encontrado morto em Palmeira das Missões foi vítima de latrocínio

O corpo de João Egger dos Santos, 62 anos, apresentava um corte profundo no pescoço quando foi encontrado por populares na tarde de segunda-feira, 19 de novembro, no interior de Palmeira das Missões.
A sala de operações da Brigada Militar (BM) recebeu a informação em torno das 16h. O morador da linha Macaco, zona rural do município, estava caído dentro de casa. Policiais apuraram que no dia anterior, o idoso, que residia sozinho no local, foi visto na companhia de outra pessoa – não identificada – consumindo bebidas alcoólicas.
A BM isolou a área até a chegada de profissionais do Instituto-Geral de Perícias (IGP) e da Polícia Civil, que agora investigam o caso. Conforme o delegado Carlos Beuter, com base nos dados levantados até o momento, o crime é tratado como latrocínio, isto é, roubo com morte. “A polícia pediu perícias para estabelecer com mais propriedade quantas e que lesões a vítima apresentava, além do que pode ser apurado no local e com a inquirição de testemunhas. Por se tratar de morte de uma pessoa, o caso é tratado como prioridade pela polícia”, comentou Beuter.
Além do canal de denúncias pelo telefone 197, a Polícia Civil disponibiliza o WhatsApp (55) 9 8437-7806 para quem quiser passar informações que auxiliem na investigação.
Por Sidnei Farias